4 de agosto de 2011

Dizendo não à murmuração



Textos: Ex 16.1-10; Nm 11.1-9 e Nm 14.1-12.
Como o Senhor reagiu diante da murmuração do povo de Israel? Qual tem sido a sua queixa nestes últimos dias? Analise a sua situação e veja se você tem sido abençoado ou não. Quem sabe se o que está faltando não seria mais gratidão, mais paciência nas tribulações? Que tal lembrar mais daquilo que o Senhor já fez em sua vida e cultivar uma nova alegria de viver?
Objetivo - Levar a célula a entender a dimensão do pecado de murmuração, e a necessidade de desenvolver um linguajar santo diante de Deus.
Quebra-gelo - Hoje vamos imaginar algumas situações desagradáveis que podem fazer parte do nosso cotidiano:
Imaginem uma goteira bem em cima de sua cama, depois de um exausto dia de trabalho!
Imaginem pegar o ônibus lotado todos os dias, na ida e volta da escola ou trabalho!
Imaginem um chefe implicante, sempre à cata de motivos para lhe aborrecer!
Imaginem um patrão que nunca paga o salário no dia combinado!
Imaginem... (Crie mais situações desagradáveis dentro da realidade do seu grupo).
(Deixe que cada um fale sobre as reações desagradáveis que estes quadros proporcionam).
Enfatize a irritabilidade, o aborrecimento e o incômodo por eles causados.
Transição para o Estudo - Não somos os únicos que se aborrecem com algo irritante. Deus também se aborrece.
Existe algo que desagrada profundamente o coração de Deus - o pecado da murmuração. Leia e contextualize Êxodo 17.1-7. (Contextualizar é se inteirar do princípio, meio e fim da narrativa do texto.)
I - O QUE É MURMURAÇÃO? Deixe que participem, você deve estar preparado:
• É soltar queixumes; lastimar-se em voz baixa; resmungar; apontar faltas; conceber mau juízo; maldizer; falar contra alguém ou algo (Dic. Aurélio).
• É uma grande arma que Satanás usa para trazer desânimo, contendas e divisão tanto nas famílias, quanto na Igreja local- Nm 13.31-33 e 14.1,2. * (contextualizar) .
• É uma falta de gratidão e reconhecimento daquilo que Deus tem realizado –l Ts 5.18.
II - QUAIS AS CONSEQUÊNCIAS DA MURMURAÇÃO?
• Traz derrota na vida do cristão por causa do poder que há nas palavras - Pv 18.21.
• Abre brecha a Satanás para trabalhar na vida e na família do murmurador - Ef 4.27.
• Traz juízo severo de Deus sobre a vida do murmurador – Gl 6.7.
III - É TEMPO DE MUDAR COMPLETAMENTE O NOSSO LINGUAJAR
• Precisamos confessar e abandonar este mau costume, substituindo-o por palavras de gratidão à Deus – Cl 3.16, 17.
• Precisamos ser aprovados, sempre que passarmos por situações desagradáveis - Tg 1.2-4.
• Precisamos crer que Deus está no controle, e a Seu tempo, dará o escape - Rm 8.28.
CONCLUSÃO
Ao crente: Será que Deus está satisfeito com a sua atitude diante de situações desagradáveis? Quem sabe você não está recebendo bênçãos por causa da prática do pecado da murmuração? É tempo de avaliar o que tem saído de sua boca.
Ao não crente: Deus quer usá-lo como canal para abençoar toda a sua família, mas, para isto, é necessário dar o primeiro passo: Recebê-Lo no seu coração. Aplique 2 Co 5.17.
 Tags:

1 comentário:

  1. Seu cantinho tráz muita energia positiva, é muito bom te visitar.
    http://andreaarteva.blogspot.com

    ResponderEliminar